• O que é

O Serviço Estadual de Transporte em Saúde (SETS) é uma iniciativa do Governo de Minas Gerais desenvolvido para apoiar o Sistema Único de Saúde (SUS). Incluindo transporte e logística, o serviço visa transportar os usuários para outros municípios quando necessário.

Toda frota de veículos é monitorada por satélite, o que permite um controle gerencial eficaz e garante, além do conforto, segurança para o usuário. A aquisição dos veículos e o sistema de logística foram financiados pelo Governo do Estado de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES).

São 12 veículos tipo micro-ônibus para serem usados de forma regionalizada e hierarquizada pelos municípios, através da celebração de um convênio regulamentando a implantação e o gerenciamento do serviço.

O SETS visa garantir aos usuários do SUS, melhores condições de deslocamento para a realização de exames, consultas especializadas e demais atendimentos em saúde, através de um sistema de planejamento logístico, atendendo aos princípios da gratuidade, da eficiência e da economicidade.

Fazem uso do serviço os municípios de Bicas, Descoberto, Guarará, Mar de Espanha, Maripá de Minas, Pequeri, Rochedo de Minas, São João Nepomuceno e Senador Cortes.

  • Quem pode participar

Os municípios consorciados ao CIESP

  • Como funciona

O usuário é agendado na Secretaria Municipal de Saúde do município, que reserva sua vaga no ônibus. Caso haja necessidade de um acompanhante, este também terá uma vaga reservada no ônibus.

  • Os ônibus

Atualmente, o CIESP possui 13 micro-ônibus, sendo um deles incorporado em julho de 2019, oito recebidos em maio de 2013 e os demais em 2008 e 2010. Os veículos são equipados com ar condicionado, poltronas confortáveis, DVD e televisão, que exibem vídeos educativos.

Todos os ônibus possuem um agente de saúde treinado, responsável por acompanhar o usuário até o local de seu atendimento. Além disso, a Consórcio possui mais dois automóveis, um veículo do tipo Minivan (Zafira) e uma Pick-Up (Saveiro) para socorro e assistência na estrada.

  • Regras para os usuários

  • A utilização do ônibus será, prioritariamente, para a realização de consultas e exames médicos de pacientes dos municípios que fazem parte do CIESP
  • Em caso de pacientes que não estiverem previamente agendados, poderá ser emitida uma passagem na hora, desde que autorizado pela Secretaria de Saúde do Município
  • O horário de saída será pré-determinado e rigorosamente cumprido
  • Não é permitido a entrada de pacientes nos ônibus portando sacolas e objetos que ultrapassem a largura de seu colo quando sentados no banco dos ônibus
  • Não é permitido carona de qualquer natureza
  • Não é permitido o embarque de passageiros de outro município que tenham destino final diferente da rota do ônibus
  • O horário de retorno será conforme acordado na viagem, ou seja, o retorno poderá ser antecipado desde que seja respeitado o tempo de atendimento necessário aos pacientes, não podendo ultrapassar o limite pré-estabelecido no contrato.

  • Regras para os profissionais

    • Uso obrigatório de uniforme completo e crachá de identificação, conforme estabelecido pelo CIESP,
    • Ônibus devem circular com um agente de viagem com formação na área de saúde.

  • Rotas

Os ônibus e o veículo de apoio circulam entre os municípios consorciados, em rotas pré-determinadas, que facilitam o acesso dos usuários encaminhados ao CIESP e para Juiz de Fora.

Veja abaixo as rotas e horários de saída e retorno aos municípios.