Durante o período mais frio do ano, os estoques de sangue costumam registrar baixa, já que parte da população opta por sair menos de casa e alguns outros sofrem com problemas respiratórios, gripes e outras doenças da época. Em 2022, a situação torna-se ainda mais crítica devido aos casos de Covid-19, gripe e dengue.

E é por isso que a campanha #JunhoVermelho foi criada. O objetivo é conscientizar e alertar para o gesto solidário, que pode salvar vidas. Também neste mês, no dia 14, celebra-se o Dia Mundial do Doador de Sangue.

Para ser um doador é necessário, dentre outros requisitos, estar com boa saúde, ter entre 16 e 69 anos (para menores de 18 anos é necessária autorização do responsável) e pesar mais de 50kg.

Para facilitar o atendimento, é possível fazer o agendamento pelo site www.mg.gov.br ou pelo aplicativo MG APP. Todos os detalhes podem ser conferidos no site da Hemominas.

O Ciesp, ciente da importância da doação, apoia a causa.